CONGRESSO

terça-feira, 30 de agosto de 2011

O Sistema


Os funcionários não funcionam.
Os políticos falam mas não dizem.
Os votantes votam mas não escolhem.
Os meios de informações desinformam.
Os centros de ensino ensinam a ignorar.
Os juízes condenam as vítimas.
Os militares estão em guerra contra seus compatriotas.
Os policiais não combatem os crimes,
porque estão ocupados cometendo-os.
As bancarrotas são socializadas, os lucros são privatizados.
O dinheiro é mais livre que as pessoas.
As pessoas estão a serviço das coisas.

Autor: Eduardo Galeano – O livro dos Abraços

3 comentários:

VALDEJANE COSTA disse...

Isso é verdade, temos um sistema maquiavélico e apodrecido.

José Atailson P dos Santos disse...

Essa organização desumana de sistema que prioriza a acumulativo de riquezas nas mãos de poucos,trata as pessoas como coisa: máquinas, instrumentos de produção que, quando adoece ou envelhece, é descartado como uma fruta estragada. Os líderes que se lucram com essas realidade impessoal pensam e organizam, planejam para tudo dar, digamos, meio certo ou errado completamente.Nessa lógica se afirmará: pobres e miseráveis sempre tereis. Desumano, não? A saída está na sugestão de um novo modo de organizar a sociedade tendo como princípios a luta organizada, a justiça a partir dos interesses da maioria, primando a pessoa; a igualdade prática entre os povos... enfim, o direito a sobrevivência efetivado como normalidade diária. José Atailson, de presidente Vargas. Núcleo Local da Rede da cidadania.

Ianaldo Pimentel disse...

Um grande exermplo é vivido pelo povo do Piquiá em Açailândia onde vai acontecer a romaria da terra e das águas, o sistema que VALE é o lucro, onde eles ganham bilhões, e o povo leva a doença, a condenação a morte.A desigualdade social no nosso Estado é alarmante e desumano.
a vida deve ser respeitada em todos os sentido. Participe! A organização popular é garantia da cidadania
REDE DE DEFESA, NÚCLEO DE CANTANHEDE